Poema a nós mesmos

Somos tantos, com tantos outros.
Tanto somos, como outros tantos.
Nós diluimos.
Diluimo-nos.
Nós nos diluimos
em tantos,
em outros.

Somos assim, múltiplos.
Assim somos, divididos.
Nós encontramos.
Encontramo-nos.
Nós nos encontramos
em tantos,
em outros.

Tão sozinhos ou sozinhos e tanto,
Assim sozinhos ou sozinhos assim
Nós destruimos,
Destruimo-nos,
Nós nos destruimos
a mim,
a ti,
a nós mesmos.

Anúncios

Sobre Guilherme Zocchio

Jornalista.
Esse post foi publicado em Ensaios, Versos e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s