Fevereiro

Fevereiro
é como
uma serpentina que se atira ao longe e vai embora…

no meio da multidão

se recolhem-se

pe
da
ços

e do que sobrou
outra pessoa pega e lança aonde bem entender…

então o ciclo se repete
mais uma, duas,
três vezes

depois,

não tem mais serpentina,
fevereiro
ou carnaval.

Anúncios

Sobre Guilherme Zocchio

Jornalista.
Esse post foi publicado em Versos e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s